Menu principal
 

PIBID Subprojeto Alfabetização

quinta-feira, 8 de julho de 2021

O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID), através do subprojeto alfabetização do IFC Campus Avançado Abelardo Luz, tendo como coordenador da área Elodir Lourenço de Souza, vem possibilitando aos 16 bolsistas acadêmicos do curso de Licenciatura em Pedagogia com ênfase em Educação do Campo, a inserção no universo escolar em escolas do Campo. As “escolas campo” de atuação dos bolsistas do subprojeto alfabetização são: Escola de Educação Básica 25 de Maio, com a supervisão da docente Adriana Aparecida Bullé, e Escola Básica Municipal José Maria, com a supervisão da docente Gracieli Mezzomo Fabris.

O PIBID é um programa da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), legalizado a partir da Lei nº 9.394/1996, a Lei nº 12.796/2013, o Decreto nº 7.219/2010 e a Portaria nº 259/2019. De acordo com o Edital 26/2020, o projeto tem por objetivo: “promover a iniciação à docência, contribuindo para a formação de docentes em nível superior e para a melhoria da qualidade da educação básica pública brasileira; contribuir para a valorização do magistério; elevar a qualidade da formação inicial de professores nos cursos de licenciatura promovendo a integração entre educação superior e educação básica; inserir os licenciandos no cotidiano de escolas da rede pública de educação proporcionando-lhes oportunidades de criação e participação em experiências metodológicas, tecnológicas e práticas docentes de caráter inovador e interdisciplinar que busquem a superação de problemas identificados no processo de ensino aprendizagem; incentivar escolas públicas de educação básica, mobilizando seus professores como formadores dos futuros docentes e tornando-as protagonistas no processo de formação inicial para o magistério; contribuir para a articulação entre teoria e prática necessárias à formação dos docentes, elevando a qualidade das ações acadêmicas nos cursos de licenciatura.”

O IFC Campus Avançado Abelardo Luz está sendo contemplado pelo PIBID pela segunda vez. O primeiro foi executado no período de 08/2018 até 01/2020. Enquanto a atual edição está em execução desde o mês 10/2020, com atividades remotas respeitando as orientações normativas 10/2020, retificada com a portaria 11/2020, do Instituto Federal Catarinense em virtude da pandemia Covid 19.

Devido a pandemia que vem causando a impossibilidade de inserção presencial nas escolas vinculada, as atividades do PIBID estão sendo de forma remota, com estudo teórico, elaboração de planos de aulas e de atividades de ensino que poderão ser utilizadas pelos docentes das escolas. Mesmo com o desenvolvendo das atividades de forma remota, estão sendo de extrema importância na formação dos bolsistas que futuramente estarão adentrando ao espaço escolar e precisarão de todo suporte teórico-metodológico possível, aliando teoria e prática. Em relação a isso, a professora e supervisora do programa, Gracieli afirma que é “através de estudos teóricos e atividades práticas o projeto contribui para a inserção dos acadêmicos na escola, possibilitando assim que os mesmos vivenciem a realidade escolar e a dinâmica de funcionamento de uma sala de aula, oportuniza conhecer melhor essa realidade e focar no trabalho nas reais necessidades existentes.” A supervisora diz também que o projeto é importante na medida que proporciona “o aprimoramento quanto a formação inicial de futuros professores, possibilitando que os acadêmicos se familiarizem com o ambiente escolar desde o início da graduação”, salienta. Para a professora e supervisora do programa Adriana, o projeto é muito importante para a formação acadêmica do docente, pois faz uma preparação para a atuação em sala de aula. Através do projeto ainda desenvolve vários temas que auxiliam na alfabetização”. 

Na compreensão da discente Joseane Vargas, 31 anos, 5° Semestre, “esse projeto nos coloca em total contato com a vivência do ser professor na escola pública, entrar em contato com o real e o cotidiano dessa escola e também com os professores já formados.” Ainda de acordo com a acadêmica, é “uma oportunidade de, ao mesmo tempo, ensinar e aprender com os alunos, trocar experiências, informações e saberes já adquiridos”, 

Para o discente Sidimar Gomes Rodrigues, 28 anos, 3° Semestre “esse projeto é conhecimento que eu adquiri, uma experiência nova com muito diálogo, prática nova com certas dinâmicas”. Percebe-se então que esse projeto vem a contribuir muito no processo de ensino aprendizagem, e principalmente na iniciação à docência, possibilitando a relação de teoria e prática dos bolsistas.

Para maiores informações sobre esse projeto, temos uma página no Facebook, “PIBID Pedagogia EdC IFC de Abelardo Luz” e no Youtube “PIBID Abelardo Luz”, onde está sendo divulgados algumas das atividades desenvolvidas pelo Subprojeto do Programa.